alimente-nossa-graca_selo_fundoroxo.png

É um projeto de financiamento coletivo, ou seja, várias pessoas investem em uma ideia que acreditam e juntas fazem ela acontecer na realidade (e ainda recebem recompensas por isso!).

A idéia

alimente-nossa-graca_elementos-graficos_

Já dizia a da Pixincha: 

 

“Desde de que o mundo é mundo: a necessidade é a mãe das ideias".

 

Alimente Nossa Graça nasce da junção da fome dos palhaços Grapixo e Pixincha de encontrar o público com a vontade de comer dos artistas Luca Tuã e Rafaela Catarina que desejam devorar os males do mundo expressando sua forma de ver e viver outros mundos possíveis (sendo capazes de bancar as contas básicas de uma vida digna e simples).  

 

Improvisamos diferentes receitas para malabarear os boletos e manter o bom humor, gosto e apetite durante esses 15 meses de pandemia.  Aos poucos, no melhor estilo “fazer o que dá com o tem”  materializamos um cardápio singelo, porém muito honesto, com as principais combinações que podemos servir ao público. 

Uma mistura dos frutos dos seis anos de labor na terra fértil do riso com a Cia Circo-íris condensados em um ano na casa-sede, cumprindo distanciamento social e cultivando novas formas de expressão, fortalecendo as raízes individuais e retomando  práticas anteriores à fundação da Companhia. 

A partir desse projeto pretendemos construir as bases para investir tempo no nosso trabalho, de modo que o improviso em manter as contas em dia não nos permitiu até agora.

ARRECADACAO:

acompanhe a

Total: R$ 00,00

Apoiados por  2 pessoas

00% de 15.000,00
atualizado 07/06/2021 as 10horas
este financiamento vai até 12/07
Para contribuir basta escolher  uma das categoria de recompensas abaixo, preencher o formulário e realizar o pagamento. aceitamos transferências, depósitos e pix

Qualquer dúvida sobre como proceder entre e contato com a gente através do whatsapp: (47) 99173 3908 - Luca Tuã. 

Participamos de duas lives, fizemos um vídeo homenagem para dia das mães e alguns de aniversário e no segundo semestre com acesso á lei Aldir Blanc de Emergência Cultural produzimos dois projetos pilotos de vídeos solos do Grapixo e da Pixinha e diferentes parcerias brotaram dessas saborosas aventuras.

 

Porções mais diversificadas de linguagens e novas formas de fazer em dupla começaram a se definir como potência nutritiva para Companhia. Quando um cozinha o outro lava a louça! 

 

O financiamento coletivo apareceu no nosso horizonte como uma possibilidade para levantar recursos necessários para conseguirmos parar de pendurar o almoço para pagar a janta.  

 

Experimentando e entendendo o que sobrava e o que faltava para podermos retomar as atividades desta companhia como nosso principal trabalho novamente, definimos esse cardápio variado que apresentamos como recompensas para quem nos apoiar nesse financiamento coletivo:

de recompensas

CARDAPIO

Experimentações, provas e parcerias  

Artes gráficas como por pôsteres lambe-lambe, fanzine, stencil e almanaque da Pixinhca com ilustrações de Humberto Soares e design da artista Isabela Bugmann e impressão na Pequeninus Grupo de Arte; 

saiba mais...

Pacotes de aulas online de circo em duas modalidades:

Videochamadas com Grapixo e Pixincha 

saiba mais...

saiba mais...

Vídeo homenagens do Grapixo; 

saiba mais...

O sabor das recompensas aqui disponibilizadas como categorias de apoio têm um cadinho de sal a mais que é justamente para possibilitar que possamos investir nessas parcerias e manufaturas e que elas possam fazer parte da nossa produção cotidiana. 

 

Para isso, além de valorizar o trabalho dos nossos parceiros e possibilitar a confecção e envio das recompensas, precisamos adquirir ingredientes básicos para garantir que a gente trabalhe e ofereça serviços de qualidade, nesse financiamento coletivo e depois dele! 

Orçamento

E por que não fazer em um  plataforma que já existe?

Nós nos conhecemos numa escola, inclusive nossa afinidade com a cozinha e o preparo de alimentos (como prática e metáfora) vem dessa época e talvez venha daí também a característica de que tudo que fazemos para nós é uma escola.

Não queremos que esse seja um projeto pontual que nos alimenta agora e logo acaba, ele é nutritivo no poder de ser semente, produzir frutos e fortalecer raízes no seu ciclo desde sua concepção, ao seu lançamento, na fé e na coragem de que atingiremos a meta e renderemos recompensas ao mundo por  ter nossa graça alimentada pela troca com o público. 

 

Dizer isso implica, declarar que ao realizar esse projeto estamos nos empenhando em aprender a estabelecer conexões diretas com cada pessoa que cruza nosso caminho  nessa rede mundial de computadores como fazíamos na rua e permitir que a pessoa estabeleça uma interação de troca direta com a gente, muito além dos likes.

Os idealizadores

Desde 2015 Luca Tua e Rafaela Catarina se dedicam em compor o repertório e história da Circo-íris, companhia de circo sem lona sediada desde 2017 em Canelinha - SC.

 

Antes da Circo-íris, Luca se aventurava nas artes visuais com grafite, grapixos e stikers  e Rafaela perambulava pela América Latina passando o chapéu como artista mambembe trabalhando com palhaçaria, teatro lambe-lambe e fanzines. Esses são toques especiais que cada um trás pra Companhia com sabor marcante de pó da estrada e colorido das ruas.

 

Eis que a vida de circo e de dupla de palhaços tomou conta quase por completo das nossas trajetórias nos últimos anos, até a chegada da pandemia que colocou tudo que fazíamos para marinar por tempo indeterminado.